quinta-feira, 24 de julho de 2014

Saques do FGTS no exterior totalizaram R$ 84 milhões

Entre julho de 2010 a julho de 2014, foram realizadas mais de cinco mil operações

Entre julho de 2010 a julho de 2014, mais de cinco mil operações de saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) foram realizadas por brasileiros residentes no exterior. De acordo com a Caixa Econômica Federal, os saques solicitados totalizaram R$ 84 milhões pagos a trabalhadores.
O saque é uma opção disponível há quatro anos e pode ser solicitado em 41 consulados do Brasil.
São dez postos nos Estados Unidos, 21 na Europa e mais dez postos na América do Sul. O dinheiro, no entanto, será depositado em uma conta bancária no Brasil. 
A possibilidade de saque do Fundo para o brasileiro que mora fora do País é resultado do Termo de Compromisso assinado em 2010 entre o Ministério das Relações Exteriores e a Caixa Econômica Federal.
O trabalhador que possuir saldo em conta vinculada FGTS, enquadrado nas condições para saque e residir no exterior, deverá apresentar a Solicitação de Saque em um dos 41 postos.
O recurso será liberado em até 15 dias úteis após a entrega da documentação, condicionada à certificação de que as condições exigidas para movimentação da conta vinculada FGTS foram atendidas. Se aprovado, o pagamento será efetuado em conta da Caixa ou de outro banco no Brasil que seja de titularidade do trabalhador.

quarta-feira, 23 de julho de 2014

FGTS: saque é realizado pelos nascidos em julho e agosto

Pessoas nascidas neste período têm até quinta-feira, dia 24, para retirada do Fundo de Garantia

A tendência apresentada em todo início de atendimento de um novo grupo de contemplados com a possibilidade de saque do Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS) se confirmou nesta terça-feira, dia 22, com uma boa movimentação no Pavilhão de Exposições José Ijair Conti. Com organização por meses de nascimento, os aniversariantes de julho e agosto começaram a ser recebidos para o cadastramento. As pessoas nascidas neste período têm até quinta-feira, dia 24, para levar a documentação requerida para a liberação da retirada do Fundo de Garantia.

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Oito mil vão poder retirar o Fundo de Garantia em GN

Guaramirim - A Caixa Econômica Federal inicia na segunda-feira (21) o atendimento telefônico para liberação do saque do FGTS aos trabalhadores residentes nas áreas atingidas pelas cheias em Guaramirim. O município decretou estado de calamidade pública devido à enchente que atingiu 17 bairros, entre os dias 6 e 8 de junho, situação que permite aos trabalhadores residentes em áreas afetadas realizar o saque do Fundo de Garantia.

Dinheiro do FGTS rende mais se for aplicado em poupança

Economista dá dicas de como fazer o dinheiro do FGTS render mais

Dinheiro do FGTS rende mais se for aplicado em poupança
Depois que o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) foi liberado para 95 bairros de Criciúma, que foram atingidos pelas chuvas do início do ano, muitas pessoas ficaram com dúvidas sobre a retirada do benefício.
A reportagem da TV Litoral Sul, conversou com um economista para entender se compensa retirar o dinheiro. O profissional Thiago Fabris, explica que há duas maneiras para multiplicar o valor: as rendas fixas e as rendas variáveis. “As rendas fixas estão sempre associadas a algum tipo de índice. Já as variáveis oscilam de acordo com a bolsa de valores”, explica.

quarta-feira, 16 de julho de 2014

FGTS poderá ser usado para pagar pensão alimentícia

Projeto de Lei do deputado Márcio França (PSB-SP), que permite o uso do saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para pagar dívida de pensão alimentícia, está sendo analisado pela Câmara dos Deputados. De acordo com a legislação atual, o devedor que não pagar por mais de três meses pode ser preso até que salde a dívida.
Segundo o deputado, a proposta quer garantir em lei um entendimento judicial. Observa que a Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais aceitou pedido de uso do FGTS para pagamento de pensão alimentícia e baseou sua decisão nos princípios constitucionais da proporcionalidade e da dignidade da pessoa humana.

quinta-feira, 10 de julho de 2014

FGTS: Mais de 2 mil criciumenses comparecem para retirar o benefício

A fila no Centro de Eventos José Ijair Conti começou às 22 horas dessa terça-feira, dia 8

Nesta quarta-feira, dia 9, começaram os cadastros para aqueles que precisam retirar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). A liberação é destinada aos moradores de Criciúma que foram diretamente atingidos pelas chuvas durante o primeiro trimestre deste ano. Até sexta-feira, dia 11, somente pessoas que fazem aniversário em janeiro e fevereiro devem comparecer ao Centro de Eventos José Ijair Conti para a entrega dos documentos.
Nesta manhã, mais de duas mil pessoas aguardavam na fila para solicitar a retirada do benefício. Segundo o coordenador da Caixa Econômica Federal, José Dercílio, responsável pela recepção, nessa terça-feira, dia 8, já haviam pessoas esperando para serem atendidas. “Este primeiro dia tem mais gente do que imaginávamos. Ontem, seis casais já aguardavam na fila, porém, três deles não tinham os documentos necessários e foram embora”.
O coordenador explica que este primeiro dia será um período de organização e adaptação do sistema de atendimento. “A partir desta quarta-feira iremos aperfeiçoar o atendimento e, posteriormente, buscaremos o melhor para agilizar o processo. Por exemplo, temos 15 atendentes para receber a documentação, mas com essa demanda alta vamos precisar aumentar para 20 ou 25”, destaca.
Ainda segundo Dercílio, a quantidade de pessoas no Centro de Eventos surpreendeu. "Estamos preparados para atender todos eles. Ontem, fizemos uma simulação para treinar o processo e deixar tudo sob controle”, lembra. No total, 90 pessoas trabalham no atendimento. São 80 profissionais do município, sendo 30 estagiários, e 10 profissionais da Caixa Ecomômica.
O aposentado Olinto Tessmann usará o dinheiro para investir. Ele fala que, apesar da fila, foi bem atendido. “Gostei do atendimento. Esperei cerca de uma hora, mas deu certo”. Já a professora Ana Lúcia de Souza Silva vai aproveitar o benefício para pagar contas pendentes. “O muro da minha casa caiu com a chuva do início deste ano. Nós já reconstruímos, mas essa construção gerou algumas dívidas que precisamos cobrir”.
Entenda como receber o dinheiro – Esse primeiro período é para cadastrar as pessoas que pretendem retirar o benefício. A população poderá entregar os documentos até o dia 1° de agosto. O dinheiro não será pago no local. A quantia será entregue de duas formas:
Depósito em 30 dias – Aqueles que possuem conta na Caixa ou possuem o Cartão Cidadão, o depósito é feito nestas duas contas em até 30 dias.
Recebimento no caixa por meio de senha – Aqueles que não possuem conta na Caixa nem Cartão Cidadão, vão receber uma senha na hora da entrega dos documentos. Essa senha vai orientar o dia, a hora e a agência que a pessoa deve retirar o dinheiro. Ao todo, são cinco agências para o saque: uma agência nos bairros Rio Maina, Comerciário e Próspera e duas no Centro.

FONTE: Engeplus

quarta-feira, 9 de julho de 2014

Por telefone, 550 pessoas conseguiram liberação do FGTS

Atendimento via 0800 da Caixa já atendeu mais de duas mil pessoas

A central de atendimento por telefone da Caixa Econômica Federal (CEF) está facilitando a retirada do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para os moradores que foram atingidos pelas chuvas do primeiro trimestre de 2014. Isso vai ajudar a diminuir as filas no atendimento presencial, que começa nesta quarta-feira, dia 9. Segundo o gerente comercial da Caixa Econômica Federal, Nelson de Souza, é importante que todos que pretendem retirar o FGTS, tentem, primeiro, fazer a liberação por telefone. “Isso veio para facilitar a vida das pessoas. Liberando de casa é mais fácil, evita os transtornos com documentação e filas. Depois de liberar é só ir retirar o dinheiro”. 

terça-feira, 8 de julho de 2014

IPCA desacelera alta em junho com alimentos, mas fica acima do teto em 12 meses

SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO (Reuters) - A inflação oficial no Brasil desacelerou em junho a 0,40 por cento, com alívio nos preços de alimentos e reforçando as perspectivas de que os juros não vão subir tão cedo, mas em 12 meses o indicador superou o teto da meta do governo. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) chegou em 12 meses até junho a 6,52 por cento, acima dos 6,37 por cento do mês anterior, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta terça-feira. O percentual ficou acima do teto da meta anual do governo, de 4,5 por cento, com margem de dois pontos percentuais para mais ou menos. Em 6,52 por cento, no entanto, o Banco Central ainda não teria de fazer explicações por meio de carta aberta porque adota a metodologia da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) para eventualmente arredondar a segunda casa do IPCA após a vírgula. A última vez em que houve estouro do teto da meta e que o BC teve de publicar uma carta aberta foi em 2003, no primeiro ano do governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, quando a alta do IPCA foi de 9,3 por cento. Em maio, o IPCA havia subido 0,46 por cento na base mensal. A expectativa para junho em pesquisa da Reuters era de alta de 0,39 por cento e de 6,50 por cento em 12 meses, na mediana das projeções. Os grupos que mais contribuíram para a desaceleração da inflação em junho, segundo o IBGE, foram o de Alimentação e bebidas, com deflação de 0,11 por cento no mês, após ter avançado 0,58 por cento em maio e no menor resultado desde julho de 2013 (-0,33 por cento). Com isso, o grupo teve impacto negativo de 0,03 ponto percentual no indicador no mês passado.

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Prazos dos contratos de trabalho temporário terão extensão de até 9 meses

Brasília: Os prazos dos contratos de trabalho temporário para substituição de um empregado efetivo terão extensão de até nove meses. A medida passou a valer ontem e faz parte da Portaria nº 789 do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), publicada no Diário Oficial da União, em 3 de junho de 2014. Para advogados especialistas em direito trabalhista, a nova regra beneficiará as empresas e os que buscam entrar no mercado.
Antes, esses contratos só podiam ser firmados por três meses, e prorrogados pelo mesmo período, com duração máxima de seis meses. Além de estender o período, a norma estabelece que as empresas devem solicitar autorização para contratações superiores a 90 dias no site do MTE. Esse procedimento deve ser realizado com antecedência mínima de cinco dias do início do contrato.

Direitos da pessoa com câncer

PUBLICADO EM 07/07/14 - 03h00

Leitores do Super, vamos hoje falar de um assunto que interessa a muitas pessoas: os direitos do paciente portador de câncer (a chamada neoplasia maligna). O primeiro deles é o direito à assistência gratuita pelo sistema Único de Saúde (SUS). Além de medicamentos e tratamentos adequados, esse cidadão pode ter acesso a outros benefícios que, muitas vezes, desconhece. Vamos falar sobre alguns deles na coluna de hoje.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...